Procuradora da Mulher na AL diz que acompanha caso de agressão de Cabo Campos - Maranhão News

Maranhão News

Notícias do Maranhão, Brasil e do Mundo

http://www.maranhaonews.net/

Breaking

Home Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

Post Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

26 fevereiro, 2018

Procuradora da Mulher na AL diz que acompanha caso de agressão de Cabo Campos


Valéria Macedo diz que medidas protetivas já foram tomadas contra o parlamentar. Ela avalia abertura de processo no Conselho de Ética da Casa contra o deputado agressor 

A deputada estadual Valéria Macedo (PDT), procuradora da Mulher da Assembleia Legislativa do Maranhão, confirmou ao ATUAL7 sobre a existência de um processo criminal no Tribunal de Justiça contra o deputado Cabo Campos (DEM), por agressão doméstica. Segundo a parlamentar, o caso está sendo acompanhado pela Procuradoria da Mulher. 

“Infelizmente os fatos divulgados pela mídia ocorreram contra uma mulher. A Procuradoria da Mulher na AL está acompanhando a questão de perto. Já há providências concretas. O caso já se encontra no TJMA inclusive com medidas protetivas concedidas contra o agressor deputado estadual Cabo Campos”, declarou. 

Segundo a procuradora da Mulher, em razão do deputado ter foro, o caso está sendo encaminhado no Judiciário estadual pela Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ). Ela avalia a possibilidade abertura de processo no Conselho de Ética da Assembleia contra o parlamentar do DEM. 

“A questão da persecução criminal, portanto, está encaminhada junto a Procuradoria de Justiça e o TJMA porque o agressor tem foro por prerrogativa de função. Falta avaliar a questão de eventual processo disciplinar na Comissão de Ética na AL pela ação do agressor, que deixa a sociedade perplexa”, pontuou. 

A agressão de Cabo Campos à própria esposa foi revelada na semana passada, pelo blogueiro Stênio Johnny

Procurado pelo ATUAL7, na sexta-feira 23, Cambos encaminhou um vídeo em que aparece sozinho e evita responder diretamente sobre a acusação de agressão, mas se diz vítima de ataques devido ao ano eleitoral. 

“Eu vim aqui falar das noticias caluniosas, maldosas e inverídicas ao meu respeito. Primeiro tentaram atacar a minha filha, depois tentaram atacar a minha irmã, e agora essa noticia caluniosa que realmente está doendo no meu coração. (...) Eu quero pedir pra vocês, oração, orem por mim e por minha família que no momento oportuno tudo isso estará esclarecido”, disse. 

Novamente questionado a respeito da agressão e sobre a ausência da mulher no vídeo, Cabo Campos afirmou que a denúncia era inverídica e que uma nova gravação, com a esposa, já estava sendo providenciada. 

Com a confirmação da procuradora da Mulher na AL-MA, de que realmente houve a agressão doméstica, o ATUAL7 voltou a entrar em contato com o parlamentar e aguarda um novo posicionamento a respeito do assunto. 


Fonte: ATUAL7




Nenhum comentário:

Post Bottom Ad

http://www.maranhaonews.net/

Páginas