Negligência na morte de recém-nascido em Pinheiro é denunciada ao Ministério Público do Maranhão - Maranhão News

Maranhão News

Notícias do Maranhão, Brasil e do Mundo

http://www.maranhaonews.net/

Breaking

Home Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

Post Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

04 fevereiro, 2018

Negligência na morte de recém-nascido em Pinheiro é denunciada ao Ministério Público do Maranhão


O recém-nascido apresentava o quadro de insuficiência respiratória e mesmo assim foi recusado o atendimento


SÃO BENTO - Representantes do Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (Corem-MA) visitaram na última sexta-feira (2), o Hospital Municipal de São Bento. A visita se deu após a morte de um recém-nascido que foi transportado de forma irregular para o Hospital Nossa Senhora das Mercês, em Pinheiro, onde não recebeu atendimento, por parte do médico Paulo Roberto Penha Costa.

LEIA TAMBÉM:


Em visita ao hospital de São Bento, a equipe do Coren-MA constatou a ausência de um enfermeiro no plantão e que durante o transporte da ambulância existia apenas o acompanhamento de um técnico de enfermagem. “Os profissionais são expostos a condição de risco, são induzidos a cometer erros pela total falta de estrutura. A presença de um enfermeiro (a) se fazia necessário pela gravidade do paciente, que naquele momento era gravíssimo. Profissionais são obrigados a ter conduta que infringem a lei do exercício profissional da enfermagem para salvar vidas”, destaca o secretário Jamson Oliveira.

Na quinta-feira (1º) a equipe visitou o Hospital Municipal Bom Jesus, no município de Presidente Sarney, e encontrou algumas irregularidades, entre elas a quantidade insuficiente de profissionais de enfermagem na instituição, técnicos de enfermagem realizando partos diariamente e enfermeiros realizando sutura (conhecida popularmente como pontos cirúrgicos), um tipo de ligação usada apenas por médicos.

“O conselho recebeu denúncias dessas irregularidades, e dando continuidade ao programa Coren na Estrada, nossa equipe constatou os problemas denunciados. Demos os devidos prazos legais para que o município possa se adequar e sanar as irregularidades”, conclui o secretário Jamson Oliveira.

Os problemas encontrados em Presidente Sarney e São Bento foram denunciados ao promotor de justiça Frederico Bianchini Joviano dos Santos, responsável pela 1ª Promotoria de Justiça de Pinheiro. As denúncias também serão formalizadas a Promotoria de Justiça de Defesa de Saúde.







Nenhum comentário:

Post Bottom Ad

http://www.maranhaonews.net/

Páginas