Vice-governador Carlos Brandão anuncia sua saída do PSDB - Maranhão News

Maranhão News

Notícias do Maranhão, Brasil e do Mundo

http://www.maranhaonews.net/

Breaking

Home Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

Post Top Ad

http://www.maranhaonews.net/

10 dezembro, 2017

Vice-governador Carlos Brandão anuncia sua saída do PSDB

Após forte repercussão no meio político, assim que postou sobre a possibilidade de sua saída do PSDB, Carlos Brandão, ex-presidente estadual do partido e vice-governador do Maranhão, falou com exclusividade a O INFORMANTE (blog do Jornal Pequeno) e desta vez não fez segredo sobre a sua permanência ou não no tucanato: “Deixo o PSDB com a certeza de dever cumprido”, afirmou.

Carlos Brandão em recente evento realizado pelos membros do PSDB, em seu apoio (Foto: Divulgação)
Ao ser questionado sobre para qual partido irá debandar com boa parte das grandes lideranças da sigla que não concorda com a forma como a executiva nacional tem tratado os seus membros no Maranhão, ainda mais por não considerar o contexto regional – comum a outros estados do país -, Brandão foi categórico ao informar que em breve será divulgado o seu mais novo partido.

Fato é que ao demonstrar lealdade ao projeto do governador Flávio Dino para o estado do Maranhão, Brandão pagou um preço alto por sua conduta política ilibada. Mas, sai pela porta da frente. “Cumpri meu papel de presidente estadual do PSDB e tenho cumprido o de vice-governador do Maranhão com seriedade e respeito. Conservarei o meu trabalho no novo partido com a mesma retidão”, garantiu.

A seguir, o que disse Carlos Brandão em suas redes sociais sobre o assunto, nesta sexta-feira (8).

Trabalho reconhecido – “Quando assumi o PSDB maranhense, tinha uma meta a cumprir. E tenho certeza absoluta de que a cumpri. Hoje, o PSDB/MA está estruturado em todo o estado e conta com 30 prefeitos, 30 vice-prefeitos, mais de 160 vereadores, deputados estaduais e inúmeras lideranças de peso. Não foi fácil, mas com organização e muito compromisso, conseguimos transformar o nosso partido no segundo maior do Maranhão.

Relembro, contudo, o que antecedeu todo este sucesso. Em 2014, como parte de uma aliança que reuniu nove partidos, fui eleito vice-governador na chapa do governador Flávio Dino. Na nova função, tenho trabalhado bastante pelo crescimento de nosso estado. Quando defendo que continuemos fazendo parte da aliança, o faço pela convicção de que a condução do governo está sendo a melhor para o Maranhão. Não tem nada de pessoal nisso. Continuar o projeto que vem sendo executado, na minha visão, seria o melhor para o partido e para seus integrantes”.

Incoerência nas decisões da executiva nacional – “No entanto, entendo que o PSDB nacional, avaliando o quadro que se apresenta quando se pensa nas eleições presidenciais de 2018, não queira proximidade com qualquer possível aliado de esquerda. Respeito essa avaliação, muito embora considere que a situação no Maranhão seja diferente. Ainda mais quando já garanti à executiva nacional que, sob minha condução, o PSDB/MA defenderia e iria às ruas empunhando a bandeira do candidato a presidente determinado pelo partido, como fiz em 2014”.

Reflexo das eleições da nova executiva nacional – “Neste sábado, 9, novos membros da executiva nacional serão eleitos em Brasília. Considerando estes aspectos e diante da possibilidade da nova diretoria nacional do PSDB decidir por não continuar seguindo no Maranhão os caminhos que escolhemos seguir, resolvo reavaliar minha permanência como filiado ao partido. No momento, estou ouvindo todas as lideranças, vereadores, prefeitos, vice-prefeitos, deputados e a opinião deles será fundamental nesse processo”.

Debandada geral – “Em breve, estarei reunido com grandes lideranças do PSDB maranhense, que me ajudarão a definir os novos passos. Avaliando melhor cada situação e em permanente diálogo com líderes partidários, chegamos a conclusão de que o que mais importa não é continuar uma batalha desgastante pela direção estadual de um partido, por mais emblemático e renomado que ele seja. Para nós, o que importa é termos a clareza de tomarmos uma decisão serena, conciliadora e com visão de futuro, para o bem do Maranhão”.


Fonte: O INFORMANTE




Nenhum comentário:

Post Bottom Ad

http://www.maranhaonews.net/

Páginas