Chacina em São Luís pode ter relação com morte de PM e enteado

novembro 13, 2017

Uma chacina registrada no fim da noite de ontem (12) no bairro Pedrinhas, em que três pessoas foram assassinadas, pode ter relação com a morte do policial militar Josélio Rocha Silva, do 9º Batalhão e Yuri de Paula Silva, vulgo Chacal, na tarde deste domingo, 12, na Maioba. De acordo com informações da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), a suspeita é de as disputas entre facções rivais tenham motivado as mortes violentas.

O que leva a polícia a aumentar a suspeita da relação entre os casos foi a prisão, ontem, 12, de dois homens identificados como Álvaro Teixeira Santos, de 27 anos e Werberth Mendes Pinho, vulgo Bebeto, acusados de autoria e participação na morte do PM e do enteado dele. Em depoimento, os homens presos confirmaram que há outras pessoas envolvidas nos assassinatos. Para a polícia, estes homens podem ter sido responsáveis pela chacina no bairro Pedrinhas.

De acordo com a SHPP, as três pessoas mortas em Pedrinhas durante uma seresta não teriam antecedentes criminais. Para os investigadores, as mortes são uma espécie de acerto de contas após a morte de Chacal, que seria integrante do PCM. De sábado até o início da manhã desta segunda-feira foram registradas 10 mortes violentas.

E pelo jeito virão mais por aí…




Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo