Jornal espanhol coloca Lincoln na mira do Barça e diz que Fla pede R$ 111 milhões

outubro 17, 2017
Diário "AS" afirma que equipe da Catalunha já fez sondagens pelo jovem, e Fla teria estipulado multa para liberá-lo. Departamento de futebol do clube carioca nega que exista negócio

Lincoln Correa, capixaba do Sub-17 do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

O diário "AS", da Espanha, publicou nesta terça-feira que o Barcelona está de olho no jovem Lincoln, do Flamengo. O atacante de 16 anos é o artilheiro da seleção sub-17 até aqui, com três gols em três jogos, e foi classificado como o "pichichi" (apelido dado aos goleadores no país) da equipe brasileira. De acordo com a publicação, a equipe da Catalunha já realizou as primeiras sondagens para contar com o jogador.

Segundo o diário, o Barcelona já falou com os empresários do jogador para que soubessem do interesse do clube, e perguntaram o preço do jogador ao Flamengo. Por sua vez, a equipe carioca teria estipulado o valor de 30 milhões de euros (R$ 111,6 milhões, na atual cotação) como suficiente para liberá-lo. Apesar disso, o Barça ainda não realizou uma proposta oficial pelo jovem.

FLA NEGA

Apesar da especulação envolvendo o jogador, o departamento de futebol do Flamengo nega que exista negociação em curso para a venda do atleta.

Anteriormente, o Barça já havia feito sondagens pelo jogador, e a multa havia sido fixada no mesmo valor informado pela publicação espanhola. Na ocasião, o interlocutor do Barcelona foi André Cury, representante oficial da equipe no Brasil.

De qualquer forma, ainda que o Barcelona venha a fazer uma proposta oficial pelo atacante, ele só poderá jogar na Espanha quando completar 18 anos, por causa da regra da Fifa que não permite a transferência de menores de idade. Sendo assim, Lincoln só poderia integrar o elenco do Barça em dezembro de 2018.





Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo