MARANHÃO NEWS

16 setembro, 2017

Sampaio Corrêa inicia batalha pelo acesso contra o Volta Redonda

O Tricolor enfrenta o Voltaço na noite deste sábado (16), no Estádio Raulino de Oliveira.


VOLTA REDONDA - Depois de sobreviver a 18 partidas na fase de grupos do Campeonato Brasileiro Série C, o Sampaio Corrêa inicia, na noite deste sábado (16), uma série de duas batalhas, não só por uma vaga nas semifinais da Terceirona, mas também pelo retorno à Série B, competição que disputou entre 2014 e 2016. O oponente nessa árdua disputa pelo acesso será o Volta Redonda, atual campeão invicto da Quarta Divisão e classificado como quarto colocado de seu grupo na Série C. O primeiro jogo entre o Voltaço e a Bolívia Querida será disputado no Estádio Raulino de Oliveira, às 19h30, com transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte.

Em seu melhor momento na história, o Volta Redonda teve uma primeira fase de altos e baixos, mas conseguiu a classificação para as quartas de final na última rodada. Comandado pelo jovem técnico Felipe Surian, o Voltaço não tem muita tradição na Terceirona, mas já mostrou que tem potencial para ir longe: além de manter a base que conquistou a Série D de forma indiscutível, o Esquadrão de Aço conta com o apoio da torcida no Estádio Raulino de Oliveira, onde não foi derrotado nesta Série C e sofreu apenas três gols em nove duelos.

Para o primeiro jogo diante do Sampaio Corrêa, Felipe Surian não deve fazer mudanças radicais no time titular do Volta Redonda. A única dúvida está no ataque: autor de sete gols pelo Voltaço na Série C e com passagem recente pelo Sampaio Corrêa, David Batista se recupera de lesão e pode ser substituído por Adriano. Por outro lado, Surian terá o retorno do zagueiro Luan e do lateral Michel Benhami, que cumpriram suspensão.

Lanterna da Série B em 2016, o Sampaio Corrêa voltou para a Terceirona sem muito cartaz, encontrou um pouco de dificuldade nas primeiras rodadas, mas se recuperou de maneira espetacular. Com um excelente desempenho como visitante e um ataque eficiente, o melhor de seu grupo na Série C, a Bolívia Querida avançou sem sustos para o mata-mata e na primeira colocação geral: 32 pontos em 18 partidas. Diante do Volta Redonda, o Tricolor quer manter a fama de visitante indigesto e beliscar um resultado que facilite a vida no duelo decisivo, que deve contar com 40 mil torcedores no Castelão.

Contra o Volta Redonda, o técnico Francisco Diá tem apenas uma dúvida. Com uma suspensão aplicada de última hora pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o volante Diego Silva aguarda por uma suspensão da pena para saber se encara o Voltaço. Se Diego Silva não puder atuar, Zaquel será o titular no meio-campo. No ataque, a dupla formada por Felipe Marques e Isac promete infernizar a vida dos adversários.

FICHA TÉCNICA

Local: Estádio Raulino de Oliveira (Volta Redonda - RJ)

Horário (de Brasília): 19h30

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)

VOLTA REDONDA: Andrey; Luis Gustavo, Luan, Daniel Felipe e Michel Benhami; Bruno Barra, João Cleriston, Marcelo e Rafael Pernão; Dija Baiano e David Batista (Adriano). T: Felipe Surian

SAMPAIO CORRÊA: Alex Alves; Pedro, Odair, Maracás e Esquerdinha; Diego Silva (Zaquel), Diego Valderrama, Fernando Sobral, Hiltinho e Felipe Marques; Isac. T: Francisco Diá







Compartilhe com seus amigos...
ATENÇÃO: Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todo conteúdo é de inteira responsabilidade de seus autores.