MARANHÃO NEWS

24 agosto, 2017

Abertas inscrições para casamento comunitário em Santa Inês

Cerimônia está marcada para o próximo dia 16 de novembro, mas as inscrições terminam no final do mês de agosto.


Quem quer casar, mas não oficializou a união até agora por falta de condições financeiras, vai ter uma oportunidade em Santa Inês, a 250 km de São Luís. Estão abertas as inscrições para o casamento comunitário que será realizado na cidade este ano.

Segundo a juíza Kariny Reis, o casamento comunitário é uma iniciativa do poder judiciário. A cerimônia está marcada para o próximo dia 16 de novembro, mas as inscrições terminam no final do mês de agosto. O local da cerimônia ainda será definido e vai depender do número de casais inscritos. Até o momento, já foi realizadas mais de 100 inscrições.

“Nós estamos trabalhando com o dia 31 de agosto. Nós já temos mais de 100 casais inscritos e a gente convida realmente as pessoas que tenham renda familiar de até três salários mínimos e desejam casar, que mantém esse sonho que realmente venham e participem dessa oportunidade”, disse a juíza.

Para se inscrever um dos integrantes do casal deve se dirigir ao fórum de Justiça de Santa Inês com certidão do nascimento do casal, comprovante de residência. Já no caso de pessoas divorciadas, os documentos exigidos são certidão do casamento com comprovante de divórcio e os viúvos precisam apresentar certidão de óbito do companheiro falecido. Pessoas com menos de 18 anos que decidirem se casar precisam apresentar a autorização dos pais por escrito e os menores de 16 anos precisarão apresentar uma autorização judicial.

A magistrada acrescenta que apesar de atualmente a lei reconhecer as uniões estáveis, o casamento no papel ainda é muito importante. “Porque a certidão de casamento comprova de plano o casamento, a formalização dessa união. Então, para efeito de proteger a família a gente tem uma atuação mais eficaz a pessoa demonstra com a apresentação do documento. Ao passo que quando é uma união estável ela realmente é reconhecida, respeitada, mas a pessoa muitas vezes tem que procurar a Justiça para fazer uma justificação ou a ação de reconhecimento da união estável e isso demanda mais tempo”, revelou Kariny Reis.

A juíza Kariny Reis pontuou que cerimônia contará com a participação dos três juízes da Comarca de Santa Inês e magistrados convidados de outras comarcas. “O casamento comunitário do poder judiciário do Maranhão ele é feito de casal em casal. Então, o juiz vai se dirigir a cada casal e fazer o casamento de cada um deles. É um momento especial, pensado para esses casais, feito com carinho e a gente espera que tenha uma grande participação da comunidade”, finalizou.
Cerimônia contará com a participação dos três juízes da Comarca de Santa Inês (Foto: Reprodução/TV Mirante)




Compartilhe com seus amigos...
ATENÇÃO: Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todo conteúdo é de inteira responsabilidade de seus autores.