http://www.maranhaonews.net/

Serviço de Inteligência da PM prende líder de facção criminosa na Cidade Olímpica

http://www.cabocampos.com.br/

O suspeito também está sendo acusado de participar de um ataque criminoso, ocorrido na Cidade Olímpica, que deixou sete pessoas feridas.


A Polícia Militar prendeu Izaias dos Santos Pereira Nascimento, de 22 anos, apontado como líder de uma facção criminosa que atua na região da Cidade Olímpica, em São Luís.

Policiais foram acionados para averiguar denúncia relatando que o líder de uma facção criminosa com atuação na Cidade Olímpica estaria em um lava jato no bairro.

A guarnição fez a abordagem inicial e procedeu consulta em nome do suspeito junto ao CIOPS via rede rádio a fim de verificar se existia alguma restrição em relação ao mesmo.

O comandante do batalhão, tenente-coronel Aritanã Lisboa copiou a informação que estava sendo transmitida e, de imediato, reconheceu que se tratava da identificação civil do criminoso Izaías dos Santos Pereira. Em seguida o serviço de inteligência do 6° Batalhão foi acionado para fazer o reconhecimento formal do abordado junto à guarnição da Cidade Olímpica.

A equipe chegou ao local e deu voz de prisão ao acusado pois, segundo consta, Izaias, em companhia de pelo menos mais outros três elementos, havia participado de um atentado com arma de fogo utilizando justamente o veículo prisma que estava sendo lavado.

Esses atos criminosos ocorreram nos dias 22 e 23 deste mês, resultando em cerca de sete vítimas, algumas ainda hospitalizadas em estado grave.

Foi realizada busca tanto no veículo como na residência onde funciona o lava a jato. Na residência foi encontrado um revólver calibre 38mm que havia sido jogado pelo criminoso no momento em que a viatura policial se aproximou para abordagem.

O suspeito foi apresentado na Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoas, onde foi autuado por posse irregular de arma de fogo. Ele confessou, segundo os policiais, a participação e sua participação no atentado dos dias 22 e 23.

0 comentários: