Seis pessoas assassinadas em menos de oito horas

fevereiro 23, 2017

Dados da Secretaria de Segurança Pública apontam um intervalo de tempo pequeno entre as seis mortes , provocadas pela violência na região metropolitana de São Luís

Um dado preocupante marca a semana de ocorrências policiais no período de pré-carnaval na região metropolitana de São Luís. Entre as 20h10 da noite do dia 21 de fevereiro(terça-feira) e as 03h49 da madrugada do dia 22 de fevereiro, seis pessoas foram vítimas da violência e tombaram alvejadas por tiros que ecoaram em locais sempre citados nas estatísticas sobre a insegurança da grande ilha, que abrange além de São Luís, , as cidades de São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar.

Quatro homicídios e dois latrocínios (roubo seguido de morte), ocorreram em um intervalo de menos de oito horas. O duplo latrocínio, registrado em São Jose de Ribamar na madrugada da quarta-feira ( 21 de fevereiro) encerrou a sequência de mortes provocadas por uso de arma de fogo na região metropolitana

Ás 20h10 da noite, na Vila Nova, Lourenço Alves Pereira, 57 anos, foi executado com dois tiros. Cinquenta minutos depois na Vila Progresso, bairro situado próximo ao complexo penitenciário de Pedrinhas, um adolescente de 17 anos também foi morto a tiros.

Onze minutos depois no bairro do São Raimundo, duas pessoas foram assassinadas. Uma das vítimas não foi identificada, e pelas informações constantes no relatório da Secretaria de Estado da Segurança Pública, trata-se de um homem com idade estimada em 25 anos. A outra vítima do duplo homicídio, ocorrido às 21h11

A sequência de mortes violentas foi encerrada na madrugada da quarta-feira (22 de fevereiro) na cidade de São José de Ribamar, em uma localidade denominada de Sítio Apicum. Duas vítimas, uma delas adolescente de 15 anos e outra com 31 anos morreram alvejadas pelos tiros disparados por um grupo de homens que invadiu a casa onde eles estavam

O adolescente tombou com um tiro fatal na cabeça e a outra vítima Israel Amaral Alves foi atingido na cabeça e em outras partes do corpo e também morreu no local. As investigações iniciais apontam para o ocorrência de latrocínio e cinco suspeitos (dois deles adolescentes) foram identificados e capturados.

Com este caso já são cinco os registros de latrocínio na região metropolitana de São Luís no mês de fevereiro que contabiliza ainda 47 homicídios.

Fonte: MA10

Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo