MA NEWS
http://www.cabocampos.com.br/

Prédio alugado pelo Governo do MA para Funac já foi comitê do PCdoB

Fotos revelam que o prédio que funciona a Funac já foi comitê do PCdoB. Governador e secretário se manifestaram sobre assuntos em rede social.

Comitê de campanha do PCdoB no mesmo prédio onde agora é a Funac (Foto: Reprodução/TV Mirante)
O imóvel alugado para abrigar adolescentes infratores no bairro da Aurora, em São Luís (MA), onde foram pagos R$ 172 mil de aluguel e que ficou 17 meses fechado, já foi comitê de campanha do PCdoB, partido do governador Flávio Dino, na eleição de 2014. O local foi utilizado pelo então candidato a deputado estadual Júlio Guterres.

O jornal O Estado do Maranhão apresentou fotos de quando o imóvel era usado pelo partido. As imagens mostram que a casa foi usada como comitê de campanha de Júlio Guterres e que no local eram feitas reuniões com eleitores com farto material do candidato. Em uma das fotos, o governador Flávio Dino aparece ao lado de Júlio Guterres.

Nesta semana, o governador e o secretário de Articulação Política e Comunicação, Márcio Jerry, disseram nas redes sociais que o processo para locação do imóvel não teve o objetivo de beneficiar o dono da casa, Jean Carlos Oliveira, que também é filiado ao PCdoB, e é outro que aparece nas imagens participando de reuniões no comitê.

O imóvel está alugado pelo Governo do Estado desde agosto de 2016 para funcionar como a nova sede da Funac. O problema é que segundo o Portal da Transparência do próprio governo, há 17 meses estão sendo pagos a Jean Carlos Oliveira, dono do imóvel que aparece na lista de filiados do PCdoB, mais de R$ 9 mil por mês pela locação do imóvel, totalizando já R$ 172 mil.

Depois de vários meses pagando aluguel com o imóvel vazio, somente nessa quarta-feira (7) internos foram levados para o local.

A TV Mirante registrou imagens que confirmam que o prédio ainda passa por reformas. É possível perceber que além do material de construção que está no pátio, a única cerca elétrica está quebrada e ao lado tem um muro mais baixo, que ainda não foi concluído.

Nesta semana, por meio de uma rede social, o secretário Márcio Jerry comentou o caso e disse "não poderia adivinhar" que o dono do imóvel era filiado ao PCdoB.

O governador também utilizou as redes sociais e publicou que "Só muita má fé ou ignorância para imaginar que uma simples casa foi alugada por uma fundação do governo por ordem minha".

O Governo do Estado disse, em nota, que desconhece o fato de que o imóvel locado pertencesse a algum membro do PCdoB ou que já tivesse abrigado ações de campanha eleitoral anteriormente. Informou que o prédio vinha passando por reformas desde 2015, que foram paralisadas por causa dos protestos dos moradores. Disse ainda que a locação do imóvel foi feita por intermédio de uma imobiliária, que seguiu todos os trâmites legais. O contato com o dono do prédio, Jean Carlos Oliveira, ainda não foi possível.

A reportagem da TV Mirante foi exibida pelo Bom Dia Brasil e repercutiu em um comentário de Alexandre Garcia.

Protesto dos moradores

Enquanto isso, os moradores do bairro da Aurora perderam o sossego com a presença da unidade da Funac no local. Eles até colocaram faixas pretas nas casas em protesto a escolha deste imóvel como local para abrigar adolescentes infratores.
Moradores do bairro aurora protestam contra a implantação da Funac em São Luís (MA) (Foto: De Jesus/O Estado)
Moradores protestam, desde o início da semana, contra a implantação na Aurora (Foto: De Jesus/O Estado)
Os moradores do bairro da Aurora já entraram na Justiça pedindo a desativação da unidade. Eles estão em vigília em um protesto desde o início da semana em frente ao imóvel.

FONTE: G1 MA

0 comentários: