Inter chega a 90% de risco de queda, e Corinthians depende só de si por G-6

novembro 22, 2016
Timão chega a 41% de chances de classificação para a Libertadores do ano que vem. Cruzeiro, Coritiba e São Paulo se livram matematicamente do rebaixamento

A derrota por 1 a 0 para o Corinthians na noite desta segunda-feira, em São Paulo, complicou ainda mais a péssima situação do Internacional no Campeonato Brasileiro. Fechando a 36ª rodada com três pontos a menos do que o Vitória, primeiro clube acima da zona de rebaixamento, o Colorado aumentou a probabilidade de queda para a Série B de 2017. De acordo com o matemático Tristão Garcia, do site Infobola, agora são de 90% as chances da equipe gaúcha fechar a competição entre os quatro últimos colocados - eram 62% ao fim da 35ª rodada.

O resultado na Arena Corinthians livrou qualquer chance de rebaixamento de Cruzeiro, que tem 48 pontos, e de São Paulo e Coritiba, que possuem 46 e não podem ser alcançados pelo Inter, que segue com 39. Sport e Vitória ainda estão ameaçados, com 2% e 8%, respectivamente. Há apenas uma vaga aberta no Z-4, já que Figueirense, Santa Cruz e América-MG estão matematicamente rebaixados.

Por sua vez, o Timão fez suas chances de ficar no G-6 aumentarem. Agora a apenas um ponto do Botafogo, atual sexto colocado, a equipe paulista cresceu de 33% para 41% com o triunfo decretado pelo gol de Marlone. Os comandados de Oswaldo de Oliveira dependem só de suas forças para conquistarem a vaga, já que enfrentam o Atlético-PR, quinto colocado e também com um ponto de diferença, na próxima rodada. 

Furacão (68%), Botafogo (67%), Grêmio (20%) e Chapecoense (4%) são os outros times com chance de classificação para a Libertadores do ano que vem - Palmeiras, Santos, Flamengo e Atlético-MG já estão garantidos. Fluminense e Cruzeiro não têm mais possibilidades de entrarem no G-6.

Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo