PRF faz seis apreensões de madeira irregular em menos de 24h, no MA

maio 04, 2016

Ocorrências foram registradas em trechos da BR-010, em Imperatriz (MA). Apreensão de animais e de carga de leite também chamam atenção.


A Superintendência Regional no Maranhão da Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou, nessa terça-feira (3), no Maranhão, seis apreensões de carregamento irregular de madeira. A apreensão de animais silvestres e de uma carga de leite sem refrigeração adequada também chama a atenção do boletim divulgado pela Central de Informações Operacionais (Ciop) na madrugada desta quarta-feira (4).

Em Imperatriz (MA), no Km 260 da BR-010 um automóvel modelo Cargo 2428 de placa OIO 9703 (CE), conduzido por Valcacios Igreja Moura, de 28 anos, foi apreendido com 24,82 m³ de madeira mista. A ocorrência foi encaminhada à delegacia de Polícia Civil da cidade.

Também no Km 260 da BR-010, o veículo W/24.250CNC6X2, de placa NTU 6757 (BA), conduzido por Djalma Antonio da Silva, foi apreendido com excesso de carga – levava 33,45 m³ enquanto deveria levar 15,06 m³ – de madeira, além de divergência de perfis, o que caracteriza crime ambiental segundo a Lei nº 9.605 e Instrução Normativa nº 21/2014 do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O condutor foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil da cidade e o caminhão e mercadoria estão à disposição dos órgãos ambientais no posto da PRF.

Um veículo L 1620 de placa BTR 1012 conduzido por Paulo Brito do Rego, de 49 anos, também foi apreendido com 24,6 m³ de madeira sem documentação do Ibama, no mesmo trecho da BR-010. O condutor foi encaminhado à Polícia Civil de Imperatriz.

No Km 264 da mesma rodovia, outro caminhão L 1620, de placa LVV 7154 (PI), foi apreendido com 27,5 m³ de madeira, abandonado em um posto fiscal. O automóvel e a carga foram encaminhados ao posto da PRF em Imperatriz.

Já no Km 265 da mesma rodovia, um veículo de placas NLT 3839 (PA), conduzido pelo Ozeilton Alves, de 29 anos, que transportava carga de madeira serrada de 20 m³ foi apreendido por agentes da PRF. O motorista levava nota e documento do Ibama inválidos, e foi encaminhado à delegacia.

E na área interna de um posto de combustível, fora da BR-010, outro caminhão, de placas NWZ 1555, carregado com 24,5 m³ de madeira com diversos perfis, foi apreendido pela Polícia Rodoviária. O veículo e a carga foram encaminhados ao Ibama.

Outras ocorrências
Também na BR-010, um Cargo 2423, de placa OIR 8968 (MA), conduzido por Pedro Silva Souza Filho, carregado com 12 m³ de areia lavada, e outro caminhão modelo Cargo 2628, de placa NHT 9021 (MA), conduzido por Edimilson Pereira Rodrigues, carregado com 13 m³ de areia lavada, pertencentes da mesma empresa, foram apreendidos sem documento fiscal de carga. Ambos foram encaminhados para a delegacia da Polícia Federal de
Imperatriz.

No Km 260 da rodovia federal, os veículos de placa NHQ 5999, conduzido por Nilton Marcel Ferreira Teixeira, carregado com 12 m³ de seixo fino, e o
caminhão de placa NMW 5926, conduzido por Francisco de Assis Filho, carregado com 12 m³ de areia lavada, pertencentes da mesma empresa, também foram apreendidos sem documento fiscal da carga, e encaminhados à Policia Federal.

Na mesma rodovia, um caminhão modelo 710 , de placa MWA 2800, conduzido por Josemar de Sousa Abreu, foi apreendido transportando 3,2 mil litros de leite em estado natural e à temperatura ambiente, acondicionados em tambores de plástico. A carga foi encaminhada para a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged-MA) de Imperatriz.

Animais silvestres
Em Caxias (MA), no Km 516 da BR-316, uma fiscalização prendeu Donisete Campos Oliveira e José Nilson Campos, vendendo carne de caça no acostamento da rodovia federal, ao valor de R$ 80. Eles portavam três tatus, sendo dois mortos e um vivo, no momento da abordagem. Outros seis animais abatidos foram encontrados por agentes da PRF.

Quatro armas de fogo e uma munição calibre .22 foram apreendidas e, em buscas na casa de José Nilson, foi encontrado ainda um papagaio cego e com penas das asas cortadas, para que não voasse. A ocorrência foi encaminhada à delegacia de Polícia Civil da cidade.

E em Codó (MA), no Km 460 da BR-316, Francisco Delvani e Antonio Francisco da Silva de Aguiar foram apreendidos ao expor dois tatus. Os animais foram encaminhados ao Ibama e Francisco Delvani e Antonio Francisco da Silva de Aguiar conduzidos à delegacia de Caxias (MA).

Tráfico de drogas
Em Balsas (MA), no sul do Maranhão, agentes da PRF verificaram uma denuncia de tráfico de drogas na rua Vereador José Ferreira, Centro da cidade. A informação era de que um carregamento de drogas tinha sido enviado de Goiânia para Balsas, por meio de encomenda enviada por uma empresa de turismo.

Luciano Oliveira Araújo e Jorge Eduardo Ramos Vieira, ambos de 18 anos, conduzindo os veículos modelo CG de placa HPS 6510 e Biz de NWV 9040, foram presos retirando a carga de aproximadamente 857 gramas de substância análoga à maconha prensada e embalada em fita adesiva marrom, junto a diversas roupas.
Substância análoga à maconha prensada estava embalada em fita adesiva (Foto: Divulgação/PRF-MA)
Com o apoio de uma equipe da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) que passava pelo local, os suspeitos foram encaminhados até a delegacia da PRF de Balsas e posteriormente encaminhados à delegacia de Policia Civil.

Acidentes
Nas últimas horas, foram registrados em rodovias federais que cortam o Maranhão quatro acidentes, sendo dois com danos materiais e outros dois com feridos. Não houve mortes.

Fonte: G1 MA

Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo