Petrolina - PE: Criança de apenas 07 anos foi morta a facadas durante festa de formatura em colégio particular

dezembro 11, 2015
O crime ocorreu durante festa em um colégio particular
O crime ocorreu durante festa em um colégio particular
Na noite desta última quinta-feira (10) uma menina de 07 anos foi assassinada com vários golpes de faca durante uma solenidade de formatura no Colégio Nossa Senhora Maria Auxiliadora no centro de Petrolina (712 km de Recife). De acordo com a Polícia Militar, a vítima identificada como Beatriz Angélica Mota era filha de Sandro Romildo, um professor de inglês da mesma instituição e a menina teria ido ao evento juntamente com ele e a mãe Lúcia Mota. 

Em um determinado momento o professor saiu de perto delas para participar da cerimônia e minutos depois a mãe percebeu que a garota não estava mais do lado dela. Segundo informações de testemunhas, já quase no final da festa o professor subiu no palco enquanto a banda tocava para chamar pela filha perguntando: “Bia, minha filha, cadê você? Pessoal alguém achou minha filha? “, disse o homem. 

As testemunhas informaram ainda que o pai foi mais uma vez ao palco chamar pela filha dizendo que já havia procurado em todos os lugares e nesse momento a festa parou e todos começaram a deixar o centro da quadra, foi quando as pessoas ouviram um barulho e muitos gritos. As primeiras pessoas que entraram em um depósito de onde veio o barulho já saíram chorando e dizendo que tinham encontrada a criança morta. 

A menina foi encontrada em um local reservado, um depósito de material esportivo desativado ao lado da quadra de esportes onde acontecia a formatura. Ela tinha ferimentos causados por golpes de faca no tórax, membros superiores e inferiores. A faca utilizada no crime foi encontrada cravada no abdômen da menina. A polícia descartou a possibilidade de violência sexual. 

Após ser periciado pelo Instituto de Criminalística (IC), o corpo de Beatriz foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). 

A Delegacia de Homicídios (DH) investiga o caso e trabalha na tentativa de identificar o autor do crime. Câmeras de segurança do circuito interno do colégio, de estabelecimentos comerciais próximos e da equipe contratada para fazer a filmagem do evento já foram solicitadas pela delegada responsável pelo caso, Sara Machado.




Compartilhe

Somente os artigos assinalados não corresponde ao Blog Maranhão News e todos o conteúdo é de inteira responsabilidades de seus autores

Relacionadas

Anterior
« Proximo